SEAWORLD: MUITO MAIS QUE APRESENTAÇÕES COM BALEIAS

SEAWORLD: MUITO MAIS QUE APRESENTAÇÕES COM BALEIAS

 

O SeaWorld é um parque aquático que celebra a vida marinha. Faz parte do SeaWorld Parks & Entertainment, que é considerado o maior complexo de entretenimento de vida aquática do planeta. Além dele, o grupo também administra os parques Discovery Cove, Aquatica e Busch Gardens.

Por ter diversos shows com animais, em especial, com baleias orcas – símbolo do parque -, do SeaWorld é constante alvo de polêmicas e protestos de entidades que visam a proteção aos animais. A polêmica mais recente foi o documentário “Blackfish”, que conta a história da orca Tilikum e critica a criação desses animais em cativeiro.

Mas vem coisa boa por aí. O SeaWord irá encerrar apresentações teatrais com as baleias. O parque de São Francisco já não faz mais os shows desde o início do ano e a empresa aceitou o compromisso de encerrá-los em Orlando até 2019.

Para 2017, o parque da Flórida também promete novidades, como um novo show de encerramento no verão americano e a primeira montanha russa com realidade virtual da Flórida.

Esse é um parque pequeno que faço em um período. Sempre me programo para ir nele cedo e depois ir fazer compras ou passear pela cidade. Mas o fato dele ser pequeno não o desqualifica já que o parque tem ao meu ver as melhores montanhas russas de Orlando.

SEA WORLD

CONHEÇA AS PRINCIPAIS ATRAÇÕES

Apesar da fama de baleias como Shamu e Tilikum, não é só de shows com animais que vive o SeaWorld. Veja algumas das principais atrações abaixo:

Kraken – a montanha russa mais famosa do parque volta repaginada com toques de realidade virtual. Prevista para reinaugurar no segundo trimestre desse ano, será a única montanha russa com realidade virtual de toda a Florida;

Mako – montanha russa com 61 metros de altura, a Mako promete um passeio eletrizante em 118 km/h.

Manta – montanha russa em forma de arraia voadora. Você fica de barriga para baixo enquanto passeia abordo da Manta, que tem uma queda de 35 metros e desliza sobre uma lagoa.

Antarctica: Empire of the Penguin – neste passeio, você acompanha a vida do pinguim Puck no Polo Sul até se deparar com um tanque gigantesco com pinguins de verdade; Eu achei ele muito bacana, apensar de congelante. Se estiver indo ao SEA WORLD minha dica número um é: leve um casaco para as atrações, ou você não irá aproveitar de tanto frio.

Wild Artic – simulador de um helicóptero em expedição no ártico. No fim do passeio, um tanque com diversos animais faz a alegria dos visitantes;

Shark Encounter – caminhe em um tubo subaquático dentro de um tanque de tubarões e veja-os de perto;

Shamu Underwater Viewing – assim como o Shark Encounter, só que com baleias orca;

Journey to Atlantis – montanha russa aquática, garante boas quedas e um bom nível de aventura;

Sky Tower – é a torre do parque, que permite ter uma visão da região a 120 metros de altura;

Dolphin Nursery – atração fofa permite que os visitantes vejam de perto mamães golfinho e seus filhotes. A atração está sendo atualizada para que no segundo trimestre os turistas tenham maior visão e contato com os bebês.

DICA:

Pets Ahoy!:  esse é um show feito com animais mais domésticos adestrados, o show é muito bem feito, mas achei sem graça e sem novidades. Então, gaste seu tempo em outros passeios.

QUANTO CUSTA?

O pacote com entradas múltiplas para os parques do complexo SeaWorld Parks & Entertainment custam a partir de US$110. No momento, são negociados apenas ingressos nessa modalidade. Veja as opções de compra aqui. O SeaWorld negocia também o Quick Queue Unlimited, passe especial que permite acesso ilimitado e sem filas nas principais atrações do parque. Custa a partir de US$19. Esse passe é comprado à parte e pode ser adquirido nesse link.

QUER UMA DICA DE HOTEL BOM E BARATO? VEJA

By | 2017-08-15T13:51:14+00:00 mar, 2017|ESTADOS UNIDOS, ORLANDO|

Leave A Comment