A China é um lugar fascinante que sempre tive vontade de conhecer. O meu maior medo era como tirar o visto para a China. Mas fui atrás dos meus sonhos e resolvi montar esse passo a passo para vocês.

Meu sonho era abraçar um panda (rss, juro!). Para Brasileiros é necessário tirar o visto desde que não seja para Hong Kong ou Macau (isenção de até 90 dias para turismo).

O procedimento para tirar o visto é simples e bem rápido. Eu tirei o visto na Embaixada de Brasília e ele ficou pronto em 3 dias. É importante lembrar que depois de emitido o visto você tem 90 dias para entrar no país, então, não deve ser tirado com muita antecedência!

ONDE TIRAR O VISTO PARA A CHINA

Os serviços consulares da China são distribuídos em 3 jurisdições: Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro. Os vistos devem ser pedidos na sua jurisdição consular, ou não serão nem avaliados.

Consulado em São Paulo:

  • São Paulo;
  • Santa Catarina;
  • Paraná;
  • Rio Grande do Sul.

Consulado do Rio de Janeiro:

  • Rio de Janeiro;
  • Minas Gerais;
  • Bahia;
  • Espírito Santo.

Os demais Estados são atendidos pela Embaixada da China em Brasília.

Os serviços podem ser realizados por despachantes, mas a solicitação é simples e rápida, veja só:

DOCUMENTOS PARA O VISTO DA CHINA

Para requerer o visto são necessários poucos documentos, listados abaixo:

1) Cópia das passagens de ida e volta;

2) Passaporte válido com pelo menos 6 meses antes do vencimento;

3) Uma cópia simples da página do passaporte;

4) Formulário de solicitação preenchido. Ele pode ser preenchido à mão mesmo, de preferência com letra de forma. Eu preferi preenche-lo no computador, pois os campos são bem pequeninos. Para acessar o formulário, clique aqui.

5) Uma foto 3×4. A foto deve ser padrão de passaporte e vistos, colorida (fundo branco) e recente, cabeça descoberta e de frente;

6) Comprovante de reserva de todos os hotéis que for ficar. Caso ainda não tenha certeza, eles aceitam as reservas feitas pelo site da Booking (sempre bom fazê-las com cancelamento grátis).

Apesar de no site eles não requererem comprovante de renda, ao ligarmos na Embaixada em Brasília, no Serviço consular, eles informaram que seria ideal anexá-los. Pode ser o imposto de renda ou contracheque.

COMO PROCEDER?

Com a documentação pronta, vá até a Embaixada (ou consulado). O horário de atendimento em Brasília é de 9h-12h de segunda à sexta (exceto feriados Brasileiros e Chineses). Vale a pena ligar para se certificar que não há um feriado nacional da China para não perder a viagem. Não é necessário agendar horário.

Chegando lá você entrega toda a documentação. A atendente confere a documentação e te dá um recibo rosa com a data da entrega, valor e a indicação da conta e instruções de pagamento. Em Brasília, o pagamento é feito numa conta do Banco do Brasil. Deve ser OBRIGATORIAMENTE feito depósito no caixa. Não são aceitos de forma alguma qualquer tipo de depósito no envelope do caixa eletrônico, transferências (nem para correntistas), DOC ou TED. Ao efetuar o pagamento, guarde seu comprovante para apresenta-lo na data da retirada.

Ir ao banco é a parte chata de tirar o visto da China. Em compensação você pode levar os documentos de todos que forem viajar com você e pagar todos juntos!! É um adianto!!

Se você não reside onde haja um consulado ou Embaixada, você pode encaminhar sua documentação por sedex para a sua jurisdição. Após o envio, ligue para confirmar o recebimento e pagar a taxa do visto e a taxa do retorno do sedex.  A taxa de retorno de SEDEX depende da localização do destinatário, então você deve enviar um envelope preenchido com o endereço do destinatário para devolução do seu passaporte. Lembrando que o limite é de 4 passaportes por envelope!

QUANTAS ENTRADAS SOLICITAR?

Se você for ficar na China sem visitar as cidades de Hong Kong e Macau, pode solicitar o visto de 1 entrada. Caso vá a alguma dessas cidades e retorne ao brasil por outra cidade da China, é necessário solicitar o visto de 2 ou até de múltiplas entradas, dependendo do seu roteiro. Faça-o bem planejado para evitar custos desnecessários com visto. Importante lembrar que Cidadãos brasileiros não necessitam de visto para entrar na Região Administrativa Especial de Hong Kong e Macau, se a permanência for inferior a 90 dias.

VALORES

Os valores dos vistos dependem do tipo. O visto normal, de 1 entrada, tem o valor de R$ 160,00. Os valores atualizados podem ser encontrados aqui. Lembrando que as informações aqui são da Embaixada de Brasília.

-Visto de uma entrada———————————————————R$160,00

-Visto de duas entradas——————————————————R$240,00

-Visto de Múltiplas entradas

-Com validade de 6 meses—————————————————R$320,00

-Com validade de 1 ano——————————————————-R$480,00

Taxa de Urgência

Para 48 horas (Terceiro dia)————————————————–R$90,00

Com a taxa de urgência o visto sai em 1 dia!

Para solicitação via correio, não é possível solicitar visto de urgência.

Preço por sedex (somente para vistos;envelope com até 4  passaportes)

-Distrito Federal, Goiás —————————————————– R$25,00

-Demais Estados ————————————————————- R$50,00

A taxa de retorno de SEDEX depende da localização do destinatário. Enviar envelope preenchido com o endereço do destinatário para devolução do passaporte.

*valores disponibilizados no site da Embaixada da China em 16/02/2017.

A solicitação é simples e rápida. Com um pouquinho de organização você tem seu visto pronto em 3 dias úteis e estará pronta para desbravar este país fascinante!!